III Encontro de Inovação em SI (EISI 2016)


Evento integrante do XII Simpósio Brasileiro de Sistemas de Informação (SBSI 2016)

Realização: Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)

Promoção: Sociedade Brasileira de Computação (SBC)

Florianópolis, SC – 17 a 20 de Maio de 2016

Datas importantes

Submissão de artigos até: 14/03/2016 25/03/2016
Divulgação dos resultados: 04/04/2016 08/04/2016
Submissão da versão final: 13/04/2016

Apresentação

O Simpósio Brasileiro de Sistemas de Informação (SBSI) é um evento voltado à apresentação de trabalhos científicos e à discussão de temas relevantes na área de Sistemas de Informação, aproximando estudantes, pesquisadores, profissionais e empresários que atuam na área. O programa do Simpósio inclui sessões técnicas, palestras convidadas, minicursos, painéis e workshops.

O Encontro de Inovação em SI (EISI) é uma proposta do Simpósio Brasileiro de Sistemas de Informação, com objetivo de possibilitar o contato, discussão e alinhamento de visões entre os problemas e soluções inovadoras encontrados pela Indústria e pela Sociedade e os tópicos de pesquisa abordados pela Comunidade Científica, no que se refere à modelagem, ao desenvolvimento, ao uso e ao gerenciamento de Sistemas de Informação.

Em sua terceira edição, o foco do EISI será no compartilhamento de experiências da indústria e da comunidade científica no desenvolvimento de ações de inovação, especialmente tratando do tema “Inovação em Sistemas de Informação na era da Computação em Nuvem”. Por meio de painéis, minicurso, palestras e mesas de discussão, o III EISI pretende abordar assuntos como: propriedade intelectual, patentes, processos de co-desenvolvimento academia-indústria e linhas de financiamento.

O EISI pretende também avançar no estabelecimento de uma visão comum dos temas e desafios estratégicos de inovação em SI para investimento de recursos da indústria, governo e comunidade científica. Para isso, serão selecionados relatos de experiência em inovação em SI, oriundos da indústria ou academia, abordando os principais temas e desafios atuais no setor. Esses temas e desafios foram identificados com base nos principais programas de fomento nacional ao desenvolvimento científico e tecnológico no Brasil (ex. TI-Maior, Programa Nacional de Pós-Graduação, Grandes Desafios da Computação) e nas visões e tendências sociais e de mercado internacionais (Gartner Hype Cycle). Os trabalhos aceitos serão apresentados e discutidos em painéis que serão realizados como parte do evento.

Os trabalhos submetidos devem envolver, prioritária, mas não exclusivamente, os seguintes temas:

  • Computação em Nuvem: gerenciamento de segurança; privacidade e ‘compliance’; modelos e paradigmas de desenvolvimento; composição e orquestração de serviços; gestão de processos de negócio.
  • Big Data e Ciência de Dados: desafios na armazenagem, tratamento e gerência de grandes volumes de dados. Análise, interpretação e visualização de dados, aplicações para domínios específicos (educação, análise de dados científicos, governo, cidades inteligentes, saúde, serviço a clientes, etc.).
  • Educação e Gestão de Conhecimento: processos e aplicações para E-learning; memória e aprendizado organizacional; apoio à colaboração; organização da informação. Neste item também tratamos a gestão pessoal, através de sistemas ‘Virtual Personal Assistants’.
  • Internet das Coisas e Ambientes Inteligentes: projeto de serviços, arquiteturas e aplicações relacionados à interoperação de objetos e sistemas de informação; processos e aplicações visando segurança, conforto, automação e privacidade de ambientes.
  • Interação Humano-Computador: Técnicas e aplicações para viabilizar, estimular ou melhorar o uso de dispositivos ou sistemas computacionais, de maneira que eles sejam simples, seguros e agradáveis.
  • Interoperabilidade de Dados: aplicações em governo e negócios; técnicas de integração de dados e web semântica; uso e governança de dados abertos.
  • Mobilidade: design de interfaces; aplicativos e seus processos de desenvolvimento; aplicações em domínios específicos (cidades inteligentes, segurança, emergências etc.); privacidade e segurança.
  • Plataformas Abertas: abordagens de desenvolvimento de SIs em plataformas abertas; aplicações em domínios específicos.
  • Redes Sociais: métodos, técnicas e ferramentas de mineração, análise e visualização de redes sociais; métodos, técnicas e ferramentas de análise de conteúdo social.
  • Computação afetiva: Técnicas, métodos e aplicações relacionados à detecção das emoções, dados afetivos, sentimentos e ou personalidade de usuários.
  • Segurança da Informação: segurança de dados e aplicações; gestão de segurança da informação.
  • Automação Industrial: Sistemas de Automação Industrial (manufatura, gestão operacional, planejamento e logística), convergência e integração de Tecnologia da Informação e Tecnologia da Automação, análise de dados em automação industrial (aplicações de big data e analytics).

Instruções para Submissão de Relatos de Experiência em Inovação ao EISI 2016

Os relatos de experiência em inovação submetidos ao EISI 2016 são limitados a 4 páginas, incluindo figuras, referências, etc. Alguns aspectos devem ser observados:

  • Os artigos podem ser escritos em inglês ou português, mas neste caso, além do Resumo em português deverá ser incluído o Abstract em inglês.
  • Os relatos devem seguir o Modelo para Publicação de Artigos da ACM – ACM SIG Proceedings Templates (http://www.acm.org/publications/proceedings-template) e devem estar em formato PDF.
  • O artigo deve indicar, de forma clara, o contexto do relato de experiência, incluindo as lições aprendidas e resultados observados.
  • A seleção de trabalhos será realizada a partir da revisão por membros do comitê de programa. O processo de revisão será conduzido de forma anônima (blind review), assim, TODA e qualquer referência que identifique a proveniência do artigo deve ser removida da versão de submissão (tais como nomes dos autores, nomes de empresas, de projetos, de ferramentas e citações de trabalhos que identifiquem os autores, etc.). Estas informações serão incluídas na versão final, caso o artigo seja aceito.
  • As submissões devem ser feitas pelo sistema JEMS através do link https://jems.sbc.org.br/home.cgi?c=2450 (“SBSI 2016 – EISI”). Serão desconsideradas as submissões em formato diferente do PDF e aquelas que excederam o número máximo de páginas ou que violem as instruções de formatação.

Condições para publicação

Os artigos aceitos serão publicados condicionados à inscrição de, pelo menos, um dos autores do trabalho. É necessária uma inscrição diferente para cada artigo aceito no SBSI e Workshops associados. Os trabalhos selecionados deverão ser apresentados e discutidos em painéis realizados durante o encontro.

Coordenação do EISI 2016

Jean Carlo R. Hauck (UFSC)
José Viterbo Filho (UFF)